Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

fabric-paper-scissors

fabric-paper-scissors

02
Nov18

Um casamento Cipriota

Raquel

Viver fora do pais não é, por vezes, tarefa fácil. No entanto, uma das coisas que mais aprecio no Reino Unido é a multiculturalidade. Existem pessoas de todo o lado. Conhecemos pessoas de todo o lado. Fazemos amizade com pessoas de todo o lado. Este post reflecte isso mesmo. Fomos convidados para um casamento cipriota e fomos.

 

Uma semana antes do casamento recebemos um "guia" para o casamento que incluia horários, programa e explicações de alguns momentos do dia. Tenho-vos a dizer que o casamento foi bastante diferente do típico casamento português. 

 

Fomos ter a casa da noiva. Lá houve um ritual onde a noiva dançou com a família (pais e irmãos) e com a dama de honor. Também como tradição, a noiva escreveu na sola dos sapatos o nome das amigas solteiras. O nome da rapariga que permenecer na sola do sapato no final do dia será a próxima a casar (no dia seguinte soubemos que nao restou nome nenhum nos sapatos - vão todas casar!). Havia também uma mesa com salgadinhos bem composta para irmos petiscando. Estava tudo muito bom (e a fome também era muita)!

 

Depois disto, seguimos para a igreja onde se celebrou o casamento. As igrejas ortodoxas onde entrei eram escuras. Esta, em particular, era bem diferente. Cheia de luz e bastante clara. O noivo entrou com o bouquet da noiva. Logo se seguida entrou a noiva acompanhada pelo pai. A cerimónia começou e, como esperado, não percebemos nada. Levantavamo-nos quando os outros de levantavam. Sentavamo-nos quando os outros se sentavam. Ao contrário das nosss cerimónia religiosas, esta tinha uma espécie de um guião - igual para todos. Nos nossos casamentos há sempre partes que podes ser "personalizadas" como as leituras, os cânticos, o sermão, etc. Ali não! Só nos apercebemos que o casamento tinha terminado quando vimos as pessoas a dispersarem. 

 

Seguimos depois para um jantar em casa dos pais do noivo. Apenas familiares mais próximos (tios, tias, pais, padrinhos) estavam presentes. E nós. Achámos que fomos convidados para este jantar porque viajamos de longe. O jantar correu muito bem. Comemos souvlaki (espetadas grelhadas, bem boas que eram!). Tinham também várias saladas, e outros acompanhamentos. Estava tudo muito bom. Ofereceram a todos os convidados amendôas. Soubemos depois que é tradição comer amendôas em casamentos cipriotas (realmente vimos muitas na casa da noiva!). Terminou assim o primeiro dia do casamento.

 

O dia seguinte ficou reservado para o "grande" jantar do casamento. Aliás, este jantar costuma acontecer a seguir a cerimónia religiosa. Como não conseguiram fazer tudo no mesmo dia por questões de logística, tiveram de "dividir" a festa em dois dias. Estiveram presentes umas 500 pessoas neste jantar. É um numero normal para um casamento cipriota, disse a nossa amiga. O jantar aconteceu ao ar livre. Estava muito bom tempo, ainda assim tinham aquecedores de rua disponíveis. Enquanto os noivos e os pais dos noivos cumprimetavam os convidados, decorreu um cocktail. Fomo-nos sentar quando vimos as mesas a ficarem preenchidas. Estavam uns camarões na nossa mesa como entrada, mas, para azar o nosso, ninguém os estava a comer. Também não os comemos. Finalmente, deram autorização à nossa mesa para se ir servir no buffet. O buffet tinha pouca variedade de comida comparada a um buffet de um casamento português. Servimo-nos e voltámos para a mesa. Os nossos pratos não estavam assim muito cheios, ao contrário dos pratos das outras pessoas. Percebemos depois que ninguém estava a repetir a comida. Conclusão, comíamos bem mais do que aquilo que tiramos inicialmente. Nunca pensámos que não nos íamos servir mais vez nenhuma! Os camarões que não tinham sido comidos como entrada tinham desaparecido da mesa também. Só nos restava esperar pela sobremesa. Finalmente, chegou. Espetada de fruta, bolo de chocolate, um doce num copinho de vidro e um género de um queque. Estava muito boa! Mais tarde, abriram uma banca com gelados e uns doces típicos do Chipre - umas bolinhas fritas com mel. Também eram muito boas, mas por vezes apanhavam-se delas com muito óleo. Seguiram-se os discursos do pai da noiva, do best man e do noivo. A festa arrancou depois disso e terminou por volta das três da manha!

 

Foi uma experiência bastante boa! Toda a gente nos tratou muito bem, e estamos muito gratos por isso!

 

Beijinhos,

Raquel

12
Set18

Chamar isto de ridículo é suficiente?!

Raquel

Toda a logística de um casamento não é tarefa fácil. Para nós, a escolha da animação é provavelmente das tarefas mais difícies de tomar. Enquanto que por exemplo o fotógrafo, conseguimos perfeitamente ver de nos identificamos com o género de fotografia, a animação já não é bem assim.

 

Muitos dos videos de promoção de bandas/DJs têm música de fundo. Isto é, conseguimos ver o ambiente da festa, mas não conseguimos perceber o que realmente foi tocado na festa. Não queremos também que o ambiente se torne parecido ao de uma festa popular. Bem, não é tarefa mesmo fácil.

 

Começámos a pedir orçamentos, e eis uma surpresa que chega ao nosso email. Após dar uma vista de olhos ao documento pdf enviados por uma determinada empresa, os valores pareceram, para nós, estar completamente fora da "realidade". Os orçamentos para os vários pacotes apresentados vinham "quebrados" e aí foi ainda maior a suspresa!

 

A maior de todas foi mesmo o montante cobrado para a deslocação. 350€ para uma viagem de 200 km para cada lado! Este valor inclui: condução, transporte, portagens e gasolina. Nós achámos extremamente exagerado. Aqui o meu noivo até pensou, inocentemente, que traziam um camião/carrinha bem grande e com bastante equipamento. Mas não. Fomos rever algumas fotos deles disponíveis no facebook e não tinham nada assim muito volumoso. Não conseguimos entender como chegaram a este valor. Quero aqui salientar que a mesa seria da nossa responsabilidade. 

 

Para além disso, seria também cobrado um valor para a montagem e desmontagem do material, que ronda mais ou menos 130€

 

Uma das outros parcelas do orçamento refere-se ao equipamento incluído em cada pacote, variando entre 260€ e 470€. 

 

A acrescentar a isto, temos ainda o proprio trabalho de DJing que não é barato também como devem imaginar. Cobram também por hora de trabalho extra.

 

Exigem também a estadia de uma noite, o que seria também da nossa responsabilidade. Bem, isto é bastante normal quando há determinadas distâncias envolvidas. 

 

Nós conseguimos perceber que tenham o próprio mercado, e aceitamos isso, claro. Contudo, a nossa pesquisa parece-nos dizer que estão completamente desfasados da realidade, pelo menos da nossa.

 

Apesar de não os irmos contratar, desejamos-lhes boa sorte para o seu futuro.

 

Beijinhos,

Raquel

26
Abr18

Quinta para o casamento - Check!

Raquel

Há umas boas semanas partilhei convosco que fiquei noiva!  Esta semana digo-vos que já encontrámos quinta para o casamento. Entretanto a igreja também já está reservada. 

 

A escolha não foi fácil mas estes foram os principais factores que pesaram na nossa decisão: luz natural da sala, jardim exterior, decoração geral da sala e do jardim, menupreço localização.

 

O nosso próximo passo será reservar o fotógrafo. Andamos há dias para o fazer, mas ainda não nos conseguimos sentar e decidir. 

 

Beijinhos, 

Raquel

27
Mar18

Moleskine de uma NOIVA

Raquel

Yes, I do!

O meu noivo ofereceu-me este bloco de notas da Moleskine onde pudesse anotar tudo ou quase tudo relacionado com o nosso casamento. Este bloco está dividido em 8 secções temáticas desde cerimónia, decoração, etc. Traz também autocolantes bonitinhos e tem também três fitas de marcação.

 

Entretanto já coemçamos a preencher o bloco! Quintas, fotografos, igrejas, contactos de padres... mas ainda falta muito! 

 

IMG_1425.jpeg

Beijinhos, 

Raquel

21
Fev18

Quinta para casamento.... e agora?

Raquel

Na semana passada disse-vos que estou noiva! Esta semana digo-vos que andamos à procura de uma quinta para o nosso casamento. Só novidades!

 

Já fizemos a nossa pesquisa e temos bastantes opções, o que é bom! Por outro lado, traz-nos também muitas dúvidas. Gostávamos que o espaço interior fosse amplo e que tivesse bastante luz natural. Queremos também um jardim bem bonito e espaçoso. Quanto à comida, deliciosa e que nunca falte!

 

Será que conseguimos encontrar isto tudo, ou é díficil?! Espero que sim!

 

Beijinhos, 

Raquel

02
Fev18

Convites de casamento!

Raquel

Ainda não vos contei aqui. Estou noiva!!! Ui tantas coisas a tratar, incluindo os convites. Temos em mente fazer os nossos próprios convites, isto é, o design deles, e depois imprimir tudo numa gráfica. Não sei se é uma boa escolha, mas é o nosso plano por enquanto. 

 

Comprámos umas tintas e folhas de papel de água. Agora que não nos falte habilidade e bom gosto! :) 

IMG_1277.JPG

 

IMG_1278.JPG

Beijinhos,

Raquel

26
Out17

Casamento #3

Raquel

Aqui está um outro postal para um casal recém-casado! O design foi mais um vez retirado da Cricut. O carimbo que diz "Congratulations on your special day" já foi utilizado antes, mas de momento também não tenho outro para uma situação destas! Se souberem de algum bonito, digam-me sim? Muito obrigada!

image_17.jpg

Gostaram deste postal? Espero que sim!

Beijinhos,

Raquel

21
Set17

Casamento #1

Raquel

Precisámos de fazer um postal para oferecer a um casal recém-casado. Retirei a ideia da internet. O papel foi cortado pela minha amiga Cricut! Acho que até ficou giro!  

image_16.jpg

 Espero que tenham gostado.

Beijinhos,

Raquel

Instagram

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D